Archive | abril, 2010

Buena Onda Social Club*

12 abr

“Que estou fazendo ao te escrever? Estou tentando fotografar o perfume!” (Clarice Lispecto r, Água Viva)

A Argentina é quase um “guilty pleasure”. Amar Buenos uma semi-heresia á la brasileña. Mas, como um amante latino que te mente e você gosta, começo safadamente a me apaixonar pelo país. Cheio de ismos – peronismo, funcionalismo, judicialismo, kirchnismo, erotismo etc – é um amor bandido e complexo que não trai um patriotismo quase que infantil que trago dentro.

Mas, questiona sim todos os ritmos da minha latinidade e me põe dançando tango como uma turista texana na quadra da Mangueira. Vou amando, e também sofrendo de saudade, mas vivendo em uma cidade sublime e dramática, cheia de folhetins, alfajoles , bodegones, villas, milongas e medialunas. 

Carlos Gardel , originalmente  frances,  costumava dizer que havia nascido na Argentina aos dois anos e meio, quando imigrou ao país. Eu não me atrevo a tanto, mas ouso dizer que algo nasce em mim aos vinte nove anos na Argentina…

Em um país, cujas contradições superam a mais atrevida das imaginações, construo minha vida in a south american way e vou “fotografando o perfume” das coisas lindas que vi e vivi no extremo sul do meu continente.

Buenos Aires, 13 de Março de 2010.

* Buena onda é uma expressão argentina para algo legal, divertido e essencialmente bom.